Morre torcedor do Palmeiras que estava hospitalizado após confusão no Couto Pereira – Jornal de Colombo

Morre torcedor do Palmeiras que estava hospitalizado após confusão no Couto Pereira

Morre torcedor do Palmeiras que estava hospitalizado após confusão no Couto Pereira

O torcedor do Palmeiras, , que foi espancado no lado de fora do Estádio Couto Pereira, morreu no Hospital Cajuru, em Curitiba, na madrugada desta segunda-feira (13).O homem identificado como Alan Henrique Araújo Domingues, de 25 anos, teve um pico de glicemia, devido a um problema de saúde, de acordo com o Hospital, Alan tinha

O torcedor do Palmeiras, , que foi espancado no lado de fora do Estádio Couto Pereira, morreu no Hospital Cajuru, em Curitiba, na madrugada desta segunda-feira (13).O homem identificado como Alan Henrique Araújo Domingues, de 25 anos, teve um pico de glicemia, devido a um problema de saúde, de acordo com o Hospital, Alan tinha diabetes, onde o pico aconteceu durante a noite. A pancadaria aconteceu próximo à sede de uma torcida organizada do Coritiba. Morador de São Paulo, o jovem chegou a ser intubado, mas não resistiu tamanha a gravidade da lesão que sofreu na cabeça. Imagens que circulam nas redes sociais mostram torcedor sendo reanimado e desacordado, na noite deste domingo (12).

Um policial militar ajudou nos primeiros atendimentos. A confusão foi entre torcedores do Coritiba e Palmeiras e depois teve um confronto com a policia. Por conta do spray de pimenta, o jogo foi paralisado por seis minutos. A partida é válida pelo Campeonato Brasileiro terminou 2 a 0 para a equipe paulista.Em entrevista o socorrista Uesleis, do Siate, que o rapaz chegou a ser intubado por conta dos ferimentos causados pelos agressores.

“Chegamos no local e vimos um rapaz sendo socorridos por policiais, sendo reanimado. Foi colocado na ambulância, onde foi feito todo o atendimento. Ele voltou e foi intubado, com várias lesões, principalmente em crânio”, disse.

Durante o atendimento, algumas pessoas começaram a gritar que o rapaz iria morrer, atrapalhando o atendimento, segundo o socorrista. “Algumas pessoas acabaram não tendo empatia pelo outro, precisamos ter empatia para os outros. Ele foi estabilizado”, explicou.Viatura do Batalhão de Polícia de Choque (BPchoque) foi atingida por torcedores.

Kainan
EDITOR
PROFILE

Posts